Education in virtual/real worlds

my second life and the first one

À procura de um Curso de Doutoramento (3ºCiclo de Bolonha)?

Se for esse o caso, aqui fica o link para os Cursos de Doutoramento que a Universidade de Aveiro oferece.

Chamo a especial atenção para os Cursos de Doutoramento em:
– Didáctica e Formação
– Multimédia em Educação

Ousem! Candidatem-se!

Advertisements

July 23, 2008 Posted by | Education | , , | 3 Comments

À procura de um Curso de Mestrado (2ºciclo de Bolonha)?

Se é esse o caso, aqui fica o link para as 2ª candidaturas que a Universidade de Aveiro oferece.

Chamo especial atenção para os Cursos de Mestrado em Ensino de…

Todas as dúvidas e/ou questões devem ser endereçadas para os Directores de Curso.

July 23, 2008 Posted by | Education | , , , | Leave a comment

International call for PhD candidates for educational research (2008)

Under the Ciência2008 government initiative funded by the Foundation for Science and Technology (FCT), the Research Centre for Didactics and Technology in Teacher Education (CIDTFF), of the University of Aveiro (Portugal), wishes to recruit 3 doctors (PhD), each one for 3 different positions, described in this “Job Description” (refª C2008-UA/CIDTFF/01).

Applications deadline: 30th September, 2008

To apply, please send:(a) presentation letter explicitly stating the position the application refers to – A, B or C, (b) CV with photo, (c) 2 reference letters; and (d) a work plan within the requirements of the job description.

It is also required that candidates have had research experience and at least one publication in a refereed International Journal based on research established and developed after the PhD (published or accepted for publication).

All the documentation must be written in English and all the references in the CV must be complete.

The candidates that fulfil the minimum requirements will be notified by e-mail for an interview.

Applications must be sent to cidtff_ciencia2007@dte.ua.pt, no later than September 30th, 2008.

When applying to these positions make sure you mention “C2008-UA/CIDTFF” followed by the letter that identifies the position (or positions) you are applying to, in the message subject.

The decision of granting a position depends on the final approval of FCT.

If you have any questions about this, let a comment here or send an e-mail to the address assigned in the “Job Description” site.

July 18, 2008 Posted by | Education, Universities & Schools at SL® | , , , , , , , , | Leave a comment

A todos os meus orientandos

… quer sejam mestrandos quer sejam doutorandos, leiam e “bebam” as palavras de Luís Fernando Veríssimo, autor brasileiro cuja obra me dispenso de divulgar por sobejamente conhecida, num curto resumo publicado neste post no blogue de M2life Paravane.

Numa altura do ano em que todos estão, ou a ultimar os projectos de investigação, ou a fazer relatórios sobre o estudo já desenvolvido, ou a concluir a redacção das dissertações…. esta vossa orientadora, por vezes muito mais desorientadora, vem assim reafirmar aquilo que já vos disse inúmeras vezes.

“Você não pode pedir que o leitor subentenda nada. É como pedir que ele faça o seu trabalho por você. O leitor só sabe o que você diz pra ele. Só sabe o que você quer que ele saiba”

É preciso explicar tudo direitinho! 🙂 O que fazemos em termos de investigação e a forma escrita como ela é explicada, não podem ser centradas em nós enquanto investigadores. É preciso dar um salto para fora e pensar no leitor que, podendo até ser especialista na área em que a investigação se insere, precisará sempre de ler tudo muito bem explicitado, muito bem explicadinho!

Estimados orientandos, este post é dedicado a todos vós: Adriana, Ana Catarina, Ana Luísa, Catarina, Cristina, Cláudia, Francisco, Luísa, Pedro, Sérgio.

P.S. Um especial abraço à Adriana que vai defender a sua dissertação no próximo dia 14 de Julho, pelas 11h, no Auditório C.3.27 da UA. E todos vamos estar a dar-lhe a maior força! 🙂

July 11, 2008 Posted by | Education, Research | , , , , | 11 Comments

Olhar sobre o cef^SL’08

No post anterior disse que escreveria três posts sobre o cef^SL’08: um descritivo, outro opinatório e outro afectivo. Como o tempo aperta, e quando uma pessoa deixa atrasar as notícias, elas perdem oportunidade, os 3 posts prometidos vão reunidos aqui. 🙂

Com o distanciamento no tempo q.b. para “olhar” com calma os dias da Conferência, vou salientar alguns dos aspectos que pessoalmente mais me tocaram:

1) Sobre o processo – Todos podem imaginar que um evento destes começa a ser pensado com muita antecedência. Assim foi! Estando certa de que este começou a ser pensado mal o cef^SL 2007 terminou (Maio 2007), em Janeiro de 2008, o núcleo duro (Carlos Santos, Pedro Almeida e Luís Pedro) começou a falar com os eventuais implicados na organização.

Admirei o trabalho deles na procura de envolvimento das pessoas que têm vindo a trabalhar em SL. Admirei também a forma participada que incutiram neste cef^SL. Admirei ainda a forma democrática, transparente e sincera como o fizeram. As sessões in-world do dia 14 de Fevereiro (foto da esquerda) e a última sessão no dia 19 de Junho (foto da direita) disso são exemplos.

Quem lá esteve recordar-se-á como o formato pretendido para o cef^SL foi posto à discussão de todos; como os nossos nomes foram aparecendo (lol) para diferentes funções e, na última sessão, como os imprevistos, entretanto surgidos, foram partilhados possibilitando que todos sugerissem soluções, ou manifestassem a sua opinião quanto às medidas mais adequadas a tomar.

2) Sobre as sessões in-world – Relativamente a este assunto não me irei estender pois os vários posts relacionados, escritos aqui ao longo do ano, ou no blogue oficial do cef^SL, ou nos blogues pessoais e/ou colectivos de quem assistiu aos encontros, são de si um grande testemunho sobre essas sessões (dispenso-me de fazer os links todos, pois este post passaria a uma listagem interminável e de certeza incompleta de “ler aqui, aqui, aqui…” 🙂 ).

O que venho salientar foi o prazer imenso que, para mim, esses momentos representaram, ocasionando-me vivências únicas e que me levaram a conhecer tanta gente e tão diversificada. Mas a montante desses aspectos está um outro a que fui particularmente sensível: o trabalhar de perto e em grupo com a Olga Cação e com o João Lima.

O espírito de equipa gerado, o sentido de inter-ajuda, a compreensão na conciliação das obrigações RL com as de SL, foram constantes ao longo dos 5 meses em que todas as semanas nos reuníamos, ou comunicavamos por outras vias, para preparar o encontro seguinte.

Esta foto ao lado é uma das minhas preferidas. Estavamos a organizar a sessão na Ilha Vestibular Brasil que decorreu no dia 13 de Março. A foto foi tirada no dia 11 desse mês e estavamos a fazer camping! 🙂 (pois que nossos amigos brasileiros têm dessas coisas por lá e nós não fossemos portugueses para não as aproveitar! lol)

Quero aqui deixar um grande abraço à ocacao vieria e ao joaodiogo Sideways!

3) Sobre a Conferência em Aveiro – Para além do fantástico da bi-direccionalidade da comunicação e da possibilidade de estarmos a vivenciar o mesmo acontecimento na RL e em SL, o que mais apreciei foi o salto quantitativo dado do ano passado para este, em termos de investigação. Percebeu-se bem que os oradores do ano passado já não tiveram de fazer apresentações de comunicações este ano, pois elas foram efectuadas pelos seus orientandos. Ou seja, a comunidade está a crescer, a sobrevivência da espécie está garantida! 🙂

Em termos qualitativos sobre os trabalhos apresentados, tenho de ser sincera e dizer que há uns melhores que outros e há outros que precisam de revisão séria. O principal problema que me parece estar a infestar a qualidade de alguns dos trabalhos passa pela inexistência de uma vivência em SL dos investigadores possibilitadora do conhecimento das ferramentas de construção disponíveis e/ou dos comandos básicos oferecidos pela plataforma, assim como passa pela resistência à mudança, do ponto de vista epistemológico face ao ensino e à aprendizagem, querendo fazer perdurar e replicar os modelos tradicionais em SL.

Ainda temos muito trabalho pela frente! Estamos a crescer, mas atenção…

4) Sobre o encontro de amigos – Voltei a constatar o facto de como é bom conhecer em RL aqueles que apenas conhecíamos em SL. É bom em todos os sentidos. O conhecimento das pessoas em SL é … como dizer? apurado, afinado, muito perto do que a pessoa em RL o é. O avatar de cada um, as relações que estabelece com os outros, as formas como reage ou actua… ficam espelhadas quando finalmente conhecemos a pessoa em RL. Não faço ideia se esta percepção é partilhada por mais alguém. Mas é a que eu tenho, acrescentando que esta constatação vem a acontecer-me desde Maio 2007.

Com este cef^SL tive um bónus! 🙂 Os amigos são como as cerejas. Encontramos um que traz outro e depois outro e, de repente, somos muitos. Conversa puxa conversa, e descobrimos que a amiga dos amigos é nossa amiga desde os 13 anos de idade, duma amizade também ela nascida num ambiente bastante imersivo. Foi muita emoção mesmo! 🙂 Grande abraço, Berta! 🙂 Outro grande abraço à Nyne e ao rocky por me terem proporcionado este encontro surreal! 🙂

…. e assim foi o meu olhar sobre o cef^SL 08, sabendo que muita coisa ficou por dizer! Acrescentem o que vos aprouver, outros pormenores, outras emoções, outras perspectivas.

Parabéns a todos! Para o ano o cef^SL continua em slactions!

July 5, 2008 Posted by | Congress, Education, Presentations, Thoughts | , , , , , , , , , | 3 Comments